Show Buttons
Share On Facebook
Share On Twitter
Share On Google Plus
Hide Buttons

Italiano Italiano Italiano

Siga nas redes:

Quem Somos

Participação em Fóruns e Redes

“As últimas descobertas científicas mostram que todas as formas de vida – desde as células mais primitivas até as sociedades humanas, suas empresas e Estados nacionais, até mesmo sua economia global – organizam-se segundo o mesmo padrão e os mesmos princípios básicos: o padrão em rede”
(As conexões ocultas, Fritjof Capra)

 

ANEPS | Articulação Nacional de Educação Popular em Saúde

Tem como referência a educação popular, no sentido de problematizar as práticas educativas no campo da Saúde, incorporando o jeito popular de educar através da capacidade de escuta, diálogo, humanização e construção coletiva do conhecimento.

No Ceará, mais de 100 entidades, movimentos, grupos e práticas integram a ANEPS. Em Fortaleza, o MSMCBJ integra a Articulação, juntamente com:

Associação Mulheres em Movimento, Banco Palmas, Associação Santo Dias, Convida, Fraternidade Cristã de Doentes e Deficientes, Grupo de Saúde da Área Pastoral do Conjunto Palmeiras, Palhaços Cirandeiros, Movimento de Meninos e Meninas de Rua, Fundação Markus de Bruim, Central Única das Favelas, MH2O, Espaço Geração Cidadã, Comunidade em Movimento, Grupo Flor de Cactus, Escuta, Grupo Soltando a Voz, Grupo Afro Berê, Margarida Alves, Gedefam, Rede de Afro-religiosidade e Saúde, MST, MORHAN, Grupo de Apoio a Pacientes com Hanseníase, Rede de Soropositivos, Núcleo de Integração pela Vida, Quadrilha Raízes Sertanejas, Maracatu Nação Iracema, Acartes, Rede Internúcleos do Movimento de Luta Anti-manicomial, Movimento Estudantil Universitário da UFC e da UECE, Associação dos Índios Tapeba, Rede Talher de Educação Cidadã.

 

Equipe Interinstitucional de Abordagem de Rua

Rede de instituições governamentais e não governamentais que realiza um trabalho de abordagem de rua, contribuindo na defesa e promoção de direitos das crianças e adolescentes. O MSMCBJ possui assento na Rede, contribuindo nas discussões sobre a temática.

Os demais integrantes da rede são: Pastoral do Menor, Associação Barraca da Amizade (ABA), Associação Curumins, FUNCI, Programa Criança Fora da Rua, Dentro da Escola (governo do Estado), Associação Beneficente O Pequeno Nazareno, Sociedade da Redenção, Abrigo Nova Vida, Abrigo Hugo Rouchet, Alberque Nova Vida e ACAMP.

 

Núcleo de Articulação

É uma instância dentro da Equipe Interinstitucional de Abordagem de Rua com a participação dos/as educadores/as sociais. O MSMCBJ participa do núcleo, colaborando nas discussões e implementação das ações, possibilitando as crianças e adolescentes em situação de rua, (re)construir seu projeto de vida.

 

Fórum Cearense de Enfrentamento da Violência Sexual Contra Criança e Adolescentes

O MSMCBJ participa do Fórum no eixo de Prevenção, colaborando com as discussões e elaboração de políticas. Além do Movimento, o Fórum é composto pelas seguintes entidades: Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF/CE), Sociedade da Redenção, Secretaria de Turismo de Fortaleza (SETFOR), Projeto Sentinela Quixadá, Projeto Sentinela de Horizonte, Projeto Convivendo e Aprendendo, Pastoral do Menor da Arquidiocese de Fortaleza/Regional, Okara (Maranguape), Núcleo de Enfrentamento à Violência contra Crianças e Adolescentes, Núcleo Cearense de Estudos e Pesquisas sobre a Criança (NUCEPEC/UFC), Grupo de Apoio de Prevenção à AIDS (GAPA/CE), Rede Aquarela (FUNCI), Coordenadoria de Enfrentamento da Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes (FUNCI), Empresa de Transportes Urbanos de Fortaleza (ETUFOR/COPAC), Escola de Saúde Pública / Instituto de Saúde e Desenvolvimento Social (ISDS), Escritório da Senadora Patrícia Saboya, CREAS de Tauá, CREAS de São Gonçalo do Amarante, CREAS de São Benedito, CREAS de Russas, CREAS de Paracuru, CREAS de Paraipaba, CREAS de Jaguaribe, CREAS de Eusébio, CREAS de Aracati, CREAS de Aquiraz, CREAS de Sobral, CREAS de Maracanaú, CREAS de Itaitinga, CREAS de Beberibe, CREAS de Caucaia, Conselho Tutelar de Fortim, Conselho Tutelar II, Conselho Tutelar de Aracati, Conselho de Integração Social (Integrasol), Comissão de Maus Tratos de Aracati (CAPS), CASSI/SEDAS, Sociedade Civil de Bem Estar Familiar do Brasil (Bemfam), Associação Renascer da Esperança, Associação Batista Beneficente e Missionária (ABBEM), Associação Curumins, Associação de Solidariedade aos Meninos e Meninas de Fortaleza, Cáritas Regional Ceará, Catavento Comunicação e Educação Ambiental, Centro de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (CEDECA), ENCINE, Comunicação e Cultura.

 

Fórum de Defesa dos Direitos de Crianças e Adolescentes (Fórum DCA)

Articulação das organizações não governamentais para discutir a problemática da criança e adolescente no Estado do Ceará. As demais entidades integrantes do Fórum DCA são: Associação Batista Beneficente e Missionária (ABBEM), Associação Curumins, Associação Barraca da Amizade (ABA), Associação Recreativa e Esportiva para Crianças e Adolescentes (ARCA), Associação Maria Mãe da Vida, Associação Beneficente O Pequeno Nazareno, Associação de Solidariedade aos Meninos e Meninas de Fortaleza, Associação Sonho Infantil, Casa da Acolhida Marista de Abreulândia, Cáritas Regional Ceará, Catavento Comunicação e Educação Ambiental, Centro de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (CEDECA), Centro de Defesa da Vida Herbert de Sousa (CDVHS), Centro Desenvolvimento Infantil (CDI), Comunicação e Cultura, Conselho Nova Vida, Diaconia, ENCINE, Fundação Casa da Esperança, Instituto de Desenvolvimento Social e da Cidadania (IDESC), Lar Fabiano de Cristo, Núcleo Cearense de Estudos e Pesquisas sobre a Criança (NUCEPEC/UFC), Pastoral do Menor, Projeto BomJart, Projeto com Sorriso da Criança, Projeto João Maria e Filomena de Mãos Dadas Fazendo Arte, Projeto Criança Feliz, Sociedade da Redenção, União dos Moradores do Bairro do Canindezinho / Projeto BomJart.

Pular para a barra de ferramentas